Home / Pr. Manoel Antônio / QUANDO A PALAVRA SE PERDE NA CASA DE DEUS

QUANDO A PALAVRA SE PERDE NA CASA DE DEUS

2Rs. 22.1-13

O ser humano está sujeito a algumas perdas durante a sua vida. Perde-se bens e dinheiro, perde-se objetos. E estas perdas não se limitam apenas a bens materiais. Existem outras perdas que caracterizam a nossa sociedade: há aqueles que perderam a vergonha e o respeito por si e pelo próximo. Outros que perderam o temor e a reverência para com Deus. Uns perderam a coragem de lutar e o interesse de viver. E encontramos aqueles que perderam familiares e amigos em sua caminhada. A verdade é que todos, em algum ponto, perdemos alguma coisa. Nesta breve reflexão gostaria de falar sobre algo extremamente importante que se perdeu entre os cristãos de nossos dias: o amor e o zelo pela Palavra de Deus.

Josias e Ezequias foram os dois bons últimos reis de Judá. Derrubaram o altar do bezerro de ouro, que há 300 anos estivera de pé, o que deixou o povo acostumado à idolatria. Ao assumir o reinado, Josias promoveu uma restauração física no templo. Nesta reforma foi encontrado o Livro da Lei, o qual estava perdido por aproximadamente cinquenta anos. O que nos chama a atenção é que aquele livro estava ‘perdido’ dentro do templo. E tão alarmante quanto sua perda na casa de Deus é o tempo em que o livro estava perdido: cinquenta anos! Acredito que a comunidade cristã vive nos dias de hoje esta triste realidade. Embora tenhamos inúmeras editoras publicando bíblias; embora encontremos inúmeras opções quanto a ‘modelos’, cores e capas para adornarem este livro (como estratégia de marketing), não seria exagero meu afirmar que a Bíblia há muito que se perdeu em nossas igrejas e, particularmente na vida de muitos cristãos.

E como podemos constatar a perda do livro sagrado no meio da comunidade cristã? O QUE SIGNIFICA PERDER AS ESCRITURAS SAGRADAS NA CASA DE DEUS? Portanto, as Escrituras se perdem entre nós quando:

SUBSTITUÍMOS AS ESCRITURAS POR PALESTRAS MOTIVACIONAIS
Em muitos púlpitos a Palavra de Deus está sendo substituída por palestras. Não que tenha algo contra palestras. De forma alguma. A questão é que, quando a pessoa vai a uma igreja ela não está interessada numa palestra sobre um tema qualquer. Ela não está à procura de conceitos sobre assuntos quaisquer. Ela está à procura de uma mensagem que transforme sua vida, que a faça enxergar sua pecaminosidade, e a direcione para perto de Deus.

SUBSTITUÍMOS AS ESCRITURAS POR PROGRAMAS DE ENTRETENIMENTOS
Aqui está encontramos outra vergonha em nossas comunidades. O culto, que deveria ser uma reverente celebração ao Senhor tem sido substituído por um show (incluindo o show da fé); o louvor por sua vez é substituído por uma ‘apresentação’ (show em inglês) de talentos particular dos músicos e cantores. E a pregação da palavra é substituída por peças teatrais, muitos grupos musicais e propagandas intermináveis das atividades do ‘ministério’ da igreja.

SUBSTITUIR AS ESCRITURAS PELO CARISMA DO PREGADOR
Essa é outra falácia que encontramos e que caracteriza essa verdade da perda das Escrituras. Em muitos púlpitos não vemos mais a exposição fiel da Palavra do Senhor. Não vemos a pregação de forma piedosa, zelosa e reverente. O pregador se expõe a si mesmo, ao invés das Escrituras. Expõe sua vaidade, sua soberba, sua ganância pessoal travestida de ‘amor pelas almas.’ Expõe seus projetos ambiciosos, para torna-lo grande e famoso, disfarçado de interesse pelo Reino de Deus.

No texto tomado para esta meditação pudemos ver que, quando a Palavra foi redescoberta, houve arrependimento, houve confissão de pecados, houve restauração espiritual. Houve, de fato, um dos avivamentos mais impactantes de todo o Antigo Testamento. Hoje a igreja precisa redescobrir as Escrituras. Você, amado irmão, amado leitor, precisa redescobrir a alegria pela leitura devocional diária deste livro maravilhoso. E a Palavra é descoberta quando: SUA MENSAGEM É CRISTOCÊNTRICA, ou seja, é dirigida apenas para a Pessoa do Senhor Jesus; SUA MENSAGEM É ESSENCIALMENTE BÍBLICA. Não se trata de auto ajuda (porque nem sempre você saberá ajudar-se a si mesmo), mas sim, de ajuda do Alto (Deus veio do alto buscar e salvar o que se havia perdido (Lc. 19:10) e, ‘elevo os meus olhos para os montes, de onde me virá o socorro? O meu socorro vem do Senhor, que fez os céus e a terra’ (Sl. 121)).

Portanto, onde está sua bíblia? Em que ponto de sua trajetória ela se perdeu? Comece a escavar os escombros de sua vida. Procure pela Palavra do Senhor. Ao reencontrá-la você experimentará momentos novos e restauradores na presença do Senhor!

Tenha um dia surpreendentemente abençoado pelo Senhor!

Pr. Manoel Antonio
Pastor da Segunda Igreja Congregacional de Campina Grande-PB
Wattsapp 83 98700-0490

(Se você foi abençoado com esta palavra, compartilhe, e não altere a autoria) 

Veja Também

OLHANDO NA DIREÇÃO CERTA

“Olhando para Jesus, Autor e Consumador da fé…” Hebreus 12:2 Não existe nada mais expressivo ...